Servos de Satanás

Para pessoas cujo principal comportamento da língua consiste em gritarias e palavrões, qualquer momento que encontram alguém que não concorda com eles, os liberais, os progressistas, os ateístas e outros espécimes da Extrema Esquerda mostram uma surpreendente capacidade de se ofender com qualquer coisa.

Como ontem, quando me referi a alguns deles como “servos de Satanás,” houve berros e gritaria por causa disso. Metade dessa gente diz que seja como for não acreditam em Deus, sem mencionar o diabo. Então por que ficam tão nervosos?

Olha só, eles parecem pensar que só porque eles não concordam comigo, podem sair me xingando.
A verdade é que há muitas questões morais centrais em que a Palavra de Deus é clara e inequívoca — tais como assassinato, adultério, práticas homossexuais, negar Cristo e blasfêmia contra o Espírito Santo, apenas para citar alguns exemplos. Não existe nenhum versículo na Bíblia que endosse, justifique, defenda ou promova alguma dessas condutas. Não é uma questão da minha opinião ou interpretação. Deus condenou todas essas condutas, e não há mão dupla aí.
Ser servo de Satanás envolve mais do que apenas pecar. Afinal, todos somos pecadores; caso contrário, não precisaríamos de um Salvador. É como a diferença entre um homossexual comum, um pecador como o resto de nós, e um pastor protestante espiritualmente morto que realiza paródias homossexuais do casamento em sua igreja. Quem é o servo de Satanás aí? É o pastor. E hoje há muitos pastores dessa espécie.
Não entendo a razão por que deveria ser difícil entender, exceto para os que não querem entender — talvez porque muitos de seus heróis sejam servos de Satanás. Margaret Sanger, Richard Dawkins, Alfred Kinsey, o ocupante da Casa Branca, Mikey Weinstein — dava para passarmos um dia inteiro fazendo uma lista com os nomes deles. Mas eles são todos servos de Satanás, pois todos eles pregam e ensinam que o mal é bom e que o bom é mal; todos eles buscam anular as leis de Deus; e eles todos têm trabalhado para criar um mundo onde as leis de Deus estejam apagadas.
Se isso não é servir a Satanás, o que é?
Traduzido por Julio Severo do artigo do BarbWire: Servants of Satan
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s