Edir Macedo ganha “Oscar Gay” por ser amigo da causa LGBT

No ano passado o líder da Universal afirmou que sua igreja aceita os homossexuais

 

O Grupo Gay da Bahia (GGB) realiza todos os anos uma “premiação” para divulgar personalidades que foram amigas ou inimigas da causa LGBT.

O prêmio é chamado de “Oscar Gay” e na edição desse ano o grupo escolheu o bispo Edir Macedo como um dos amigos homossexuais, isso por conta das declarações do fundador da Igreja Universal do Reino de Deus.

Para quem não se lembra, em 2015 Edir Macedo afirmou que “Jesus incriminou os religiosos hipócritas, não os gays”. Macedo ainda disse que a Igreja Universal aceita e sempre irá aceitar os homossexuais.

“A IURD sempre aceitou e aceita todos os homossexuais como acolhe todo ser humano do jeito que é”, disse Macedo na ocasião.

No Oscar Gay 2015 o GGB apontou mais amigos que inimigos, foram 37 amigos da causa citados, incluindo o procurador-geral da República Rodrigo Janot que deu “ao Congresso Nacional prazo razoável para concluir a votação do projeto de criminalização da homo/transfobia”.

Entre os inimigos apontados pelo Grupo está a atriz Bibi Ferreira por repudiar o beijo lésbico das atrizes Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg na novela Babilônia e os funcionários do Shopping Barra, em Salvador, que não deixaram um travesti usar o banheiro feminino do estabelecimento.

Fonte: GospelPrime

Divulgação: www.juliosevero.com

Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s