REFLETIR É VER SUA IMAGEM SENDO EXPANDIDA

Se alguém nos chamar de hipócrita a nossa primeira reação, com certeza, é a defesa. Isso ocorre porque esse termo é forte e nos causa uma ferida, nosso ego é afetado. A reação é automática. E as reações podem causar danos irreparáveis.

Grande parte dos desviados das igrejas são pessoas ressentidas e marcadas pela hipocrisia. Deixaram de frequentar qualquer instituição religiosa e vivem “sem igreja”, não pelo prazer oferecido pelas festas “do mundo”, mas pela tristeza de não encontrar a prática vinculada à oratória nas igrejas.

“O Deus que se canta nem sempre é o Deus que se vive” já dizia João Alexandre em uma de suas canções; ou ainda como diz o grupo Oficina G3, ” todos conhecem a nossa retórica mas ninguém nos vê colocá-la em prática”.

Por quê isso?

Muitos possuem um bom exemplo desta pouca prática e pior, todos de certa forma participaram em algum momento deste contexto hipócrita.

Podemos aqui esboçar algumas situações:

* Aquelas vezes que você já falou de alguém sem que ele esteja presente, e na sua frente dá um abraço, um aperto de mão e um sorriso. Quantas vezes anunciamos um veredito, um julgamento, uma crítica para um determinado fato, mas  em situações similares e inversas nos colocamos em posição de vitima. Usamos dois pesos e duas medidas. Ou ainda, pregamos que sexo antes do casamento é pecado, mas temos esta intimidade as escondidas.

* Dar o dízimo e oferta e viver com problemas com outras pessoas é contrário ao que a própria bíblia pede em Mateus 23:23 “ai de vós escribas e fariseus, hipócritas! Daí o dízimo do endro e do cominho, mas negligenciam o mais importante da lei, a justiça, a misericórdia e a fé. Devem, porém, fazer estas coisas, sem omitir aquelas”. Ou ainda em Mateus 5:23-26 ” Portanto se trouxer tua oferta ao altar, e ai te lembrar de que teu irmão tem alguma coisa contra ti, deixa diante do altar tua oferta, vai primeiro reconciliar com teu irmão, depois vem, e apresenta a tua oferta. Reconcilia te depressa com teu adversário, enquanto estas com ele a caminho, para que o adversário não te entregue ao juiz…”. 

* Não ouvem músicas de autores não cristãos, dizendo não edificar, concordo que a maioria não edifica, mas também quando lêem algo que edifica não pratica. Quantos sermões já foram ouvidos, lidos, vistos e o cotidiano não foi alterado?

* Muito ainda pode ser acrescentado aqui; os tributos que não são pagos, a declaração do Imposto de Renda feita errada, a ira, a falta de amor, usar as pessoas…

A bíblia diz que os filhos das trevas são mais sábios que os filhos da luz. E com toda razão, as pessoas “sem religião e sem Deus” vivem como se não existisse céu e inferno, não buscam nenhuma “bússola” para guiá-los, desta forma vivem de forma mais coerente, sim, a coerência está em viver naquilo em que crê. Dizer uma coisa e fazer outra é pior. Por isso, precisamos viver aquilo que pregamos e cremos.

A bíblia também pede que sua palavra seja sim, sim e não, não. Quantas vezes as verdades são distorcidas em prol de nosso beneficio, uma meia verdade é no fundo uma grande mentira; e o próprio Jesus já nos informou quem é o pai da mentira.

É preferível viver a verdade.

Jesus deu um exemplo sobre dois filhos, em Mateus 21:28-32, onde discorre sobre o pedido de um pai para os filhos irem trabalhar na vinha. O primeiro disse não irei, mas depois arrependido foi, o segundo disse: eu vou, mas não foi. A bíblia é clara sobre a condição de quem realmente fez a vontade do pai.

Hoje vivemos em busca de nós mesmos, como diz o adágio popular “farinha pouca, meu pirão primeiro”. Queremos o melhor para nós, colocamos nossos esforços, conquistas como desculpas para tirar proveito.

Na parábola do bom samaritano os religiosos foram reprovados por Jesus, olharam para seus “umbigos” e desprezaram a situação alheia.

Pense na imagem que você está refletindo!

Reprodução Autorizada desde que mantida a integridade dos textos, mencionado o site http://www.institutojetro.com 

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s