O Maior Mandamento

Amarás, pois, o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças. Deuteronômio 6:5

O que significa Amar a Deus?

Em certa ocasião questionaram Jesus:

Mestre, qual é o grande mandamento na lei? E Jesus disse-lhe: Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento. Este é o primeiro e grande mandamento. Mateus 22:36-38

O mestre identificou que amar a Deus é o maior mandamento. É o maior, porque é o mais fundamental. Como não há nada maior que Deus, o mandamento de amá-Lo é o maior. O mandamento que Jesus identificou como sendo o segundo, “Ame o próximo como você ama a si mesmo” (Mateus 22:39), é o segundo porque o objeto do amor não é tão grande quanto Deus.

A palavra grega para amor usada no Evangelho de Mateus tem mais a ver com o compromisso do que com o sentimento. É cometer-se, dar-se a algo, colocar algo em primeiro lugar. O mandamento de amar a Deus com todo o nosso coração, alma e força, então, significaria empenhar-nos totalmente e de todo o coração a Ele como sendo o primeiro em nossas vidas.

A Prova do Amor

Quando entendemos que amar a Deus então não é apenas um simples sentimento, podemos buscar na Palavra o seu verdeiro significado:

Amarás, pois, ao SENHOR teu Deus, e guardarás as suas ordenanças, e os seus estatutos, e os seus juízos, e os seus mandamentos, todos os dias. Deuteronômio 11:1

Se quisermos amar a Deus com todo o nosso coração, alma e força, então devemos obedecer aos Seus mandamentos. Amar a Deus é amá-Lo por quem Ele é e o que Ele é. Desde que Deus é o criador de todas as coisas, faz sentido que nosso amor por Ele inclua nossa obediência aos Seus requisitos. De fato, como poderíamos realmente amar a Deus e ignorar esses requisitos?

Todos nós, naturalmente, ficamos aquém do mandamento de amar a Deus. Mesmo que devamos, não nos comprometemos sempre com Ele de todo o coração, e nem sempre o colocamos em primeiro lugar.

Felizmente para nós, quando Jesus identificou o maior mandamento, Ele não estava tentando estabelecer um padrão legalista que deve ser obedecido, para que a salvação não se perca no equilíbrio.

Deus poderia apenas ordenar, mas Ele foi muito além, quando entregou Cristo por nós, e compreendemos o amor que Ele sente por nós, mostrado com atitude, então não obedecemos pela ordenança pura e simples, mas sim pelo seu amor por nós.

Mostre seu amor a Deus com atitudes!

Porque, como pela desobediência de um só homem, muitos foram feitos pecadores, assim pela obediência de um muitos serão feitos justos. Romanos 5:19

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s